Domingo, 12 de Setembro de 2004
Por cada 3 portugueses no activo, 2 recebem prestações sociais
O estudo Retrato Territorial de Portugal, realizado pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), revela que por cada cada três portugueses que trabalham, há dois a receber prestações sociais.

O número de beneficiários de pensões de invalidez, velhice, de sobrevivência e de rendimentos provenientes do fundo de desemprego e do rendimento mínimo garantido encontra-se estimado em 3,5 milhões de indivíduos, representando 64% da população activa em 2003.
O INE adianta que o Alentejo é a região com maior incidências destes casos: por cada 100 residentes activos (empregados ou desempregados) existem 93 beneficiários de uma prestação social.

No último ano, o número de beneficiários de pensões de velhice, invalidez e sobrevivência aumentou 50 mil (1,8%) e o rendimento mínimo abrangeu 350 mil (-3,8%), existindo 482 mil beneficiários do subsídio de desemprego. Destes, metade perdeu o emprego durante 2003, avança o INE.


publicado por psylva às 00:09
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

Semear futuras crises

As ideias de Luís Filipe ...

Tufão imobiliário

Ordem, custos e esbanjame...

Política, ideias e pessoa...

HÁBITOS DE RICO E A ARTE ...

As reformas da Chrysler

O que resta da esquerda?

O Governo e a Igreja

Um estado menos “keynesia...

arquivos

Outubro 2007

Julho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds